top of page

Cidade baiana investe em arte para inspirar moradores

Município de Wagner, na Chapada Diamantina, inaugura dez painéis e uma escultura em bairro carente


O município de Wagner, na Chapada Diamantina, a 390 quilômetros de Salvador, teve uma iniciativa interessante para inspirar moradores de uma comunidade carente.

Durante o ano de 2021, a prefeitura investiu em 10 painéis socioeducativos com reproduções de obras de arte famosas com objetivo de concluir uma transformação estética no bairro Casas Novas de Cima, que passava por uma grande reforma. “Tivemos esta iniciativa no intuito de provocar a comunidade a perceber que existe muito a ser seguido e estudado. Com estes painéis, queremos tentar inspirar a curiosidade pelas artes, especialmente nos jovens” disse o prefeito Elter Bastos.



Hoje, quem caminha pelo bairro pode apreciar reproduções de obras como Monalisa e Homem Vitruviano, do italiano Leonardo Da Vinci; Guernica, do espanhol Pablo Picasso; O Grito, do norueguês Munch; Abaporu, da brasileira Tarsila do Amaral e O Sono, do espanhol Salvador Dalí, entre outras.


Os painéis foram pintados pelo pintor e muralista Tarcisio Lima. “Foi interessante perceber que, enquanto eu pintava as obras, presenciava a mudança na comunidade com a revitalização do bairro e a pintura dos painéis. Os relatos dos moradores são sempre de pertencimento e valorização. Eles realmente se sentiam valorizados! Aos finais de semana eles juntam as famílias e vão tirar fotos nos painéis como se fosse um ponto turístico.” Comenta Tarcísio Lima.

Moradores do bairro em frente aos paineis. Foto: Tarcisio Lima


Além dos painéis, uma escultura feita por Reinildo Santos chama atenção de moradores e visitantes. “A decisão por criar esta escultura envolve um pé de jacarandá que sofreu ação de um jovem com problemas psiquiátricos. Aproveitamos a deixa para reforçar conceitos de proteção e manutenção do meio ambiente” diz o prefeito Elter Bastos.



Escultura de Reinildo Santos - Fotos Silvia Moura


 

Repercussão

A ação agradou tanto a comunidade que a prefeitura decidiu ampliar o número de painéis e esculturas pela cidade. “O objetivo é criar 50 painéis, ao todo. Eles certamente serão motivo de reflexão”

“Para os próximos painéis, pensei em painéis com imagens antigas do município para valorizar nossa história local. Outra ideia é propor ao secretário de educação para que professores desenvolvam um trabalho junto aos alunos da rede pública, envolvendo pesquisas e seminários sobre cada arte e artista retratados nos painéis.” Comenta Tarcísio.



 
Sobre Tarcisio Lima

Natural de Wagner, Tarcisio Lima – ou somente Císio Lima - é neto de Ranulfo Souza Lima, artista reconhecido na cidade: “da pintura ao teatro, meu avô trabalhava com diversas artes, o que se tornou uma verdadeira inspiração para mim”.


Pintor Tarcisio Lima. Foto: Acervo artista


Pintura, fotografia e escultura sempre estiveram ao redor do artista. Cursou Artes Plásticas na Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia (EBA/UFBA), onde conheceu duas grandes paixões: pintura com carvão e tinta acrílica.

Depois de dez anos em Salvador, Císio retornou a Wagner para encontrar o que ele chama de essência artística.

O artista já realizou exposições individuais em Utinga, Wagner e Salvador, participou de exposições coletivas e já ilustrou dois livros.


Sobre Reinildo Santos

O escultor Reinildo Santos é natural de Wagner e mora atualmente em Utinga. Seu trabalho artístico começou com desenho, pintura, escultura e talhas de madeira, painéis em alto relevo e por último os trabalhos de cimento. “Eu sou porteiro em uma escola e faço esses trabalhos nos fins de semana. Os trabalhos de madeira eu interrompi pois preciso investir em algumas ferramentas, mas quero voltar a fazer porque gosto muito dos acabamentos e texturas que posso alcançar nesse material.” Comenda Reinildo.


A arte transforma

O fazer artístico dos moradores da Chapada Diamantina é amplo e diverso. Os saberes tradicionais presentes nos municípios que formam a região conferem ao destino uma experiência cultural única que pode ser contemplada desde a apreciação das pinturas rupestres, presentes em diversos atrativos turísticos, como artes plásticas, música, dança, escultura, artesanato, entre muitas outras atividades.





2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page